Google+ */?>
  • Artigos
  • Motivação
5 sinais claros de que estás a sacrificar a vida pelo trabalho

5 sinais claros de que estás a sacrificar a vida pelo trabalho

22 de Fevereiro de 2014

Quantas pessoas te dizem que não têm tempo? Muitas não é? Em todo o caso o problema não é as pessoas dizerem que não têm tempo, mas sim quando sacrificam a sua vida em busca de algo que nem sabem o que é.

É verdade que vivemos atualmente num ritmo frenético, e em muitas vezes é normal que as pessoas te digam que nem estão a viver, mas sim a correr. Mas a correr para onde? Esta é a pergunta que temos de fazer. Se encontramos uma resposta ou temos um objetivo ou um plano para cumprir, conseguimos justificar conscientemente o porquê desta correria. Mas se não conseguirmos responder à pergunta é melhor estarmos atentos a estes sinais:

1 – Disponibilidade Total

Uma característica típica da pessoa que  “vive para trabalhar” é a incapacidade de desligar por completo. O smartphone acaba por ser uma boa contribuição.
Hoje em dia é normal responder a e-mails de trabalho às 23h, fazer uma chamada de skype à hora do jantar com o chefe, ou estar a pensar nas tarefas do dia seguinte quando se está a tentar adormecer ou a fazer sexo.

Todos estes fatores espelham que te tornaste escravo da tua vida. Quando te tornas naquela pessoa sempre disponível, sempre em alerta e sempre pronto a aceder a solicitações, é tempo de colocar os pés no chão novamente e perceber que a partir desse momento deixaste de estar disponível para ti mesmo.

2- Stress e Ansiedade

Existem pessoas que vivem stressadas e ansiosas mesmo quando não estão a trabalhar, em momentos familiares ou de lazer. O stresse do trabalho, a falta de tempo, não deixa a pessoa desligar-se dos problemas e esses momentos pessoais acabam por não ser verdadeiros.

3 – Já não fazes desporto?

Quando andamos a ‘correr’ de um lado para o outro sem tempo, a primeira coisa que acabamos por adiar é a disponibilidade para praticar desporto.
É mais fácil adiar uma ida ao ginásio ou uma corrida, do que um trabalho que surge à última da hora.

4- Os livros servem de decoração em casa?

A quantidade de livros que compramos e abandonamos na estante, aumenta muito quando a pessoa está sem tempo. Não pelo facto de sermos capazes de ter quinze minutos diários para leitura, mas porque estamos tão cansados de uma rotina exaustiva que não nos vai sobrar energia para ler.

5 – Perda na qualidade dos relacionamentos

Isolamento é uma palavra forte, mas é algo bem ‘presente’ quando temos o nosso tempo mal atribuído.
Pode começar com aquelas recusas aos lanches com amigos porque estás em reunião até tarde, depois os aniversários porque já estás com menos ‘vontade’ e quando te dás conta já não te convidam para nada. Quando começares a sentir isto lembra-te que nas relações o importante é construirmos pontes e não barreiras.

  • Artigos Relacionados