Google+ */?>
  • Empregos
  • Notícias
  • Sociedade
2020: Suíça acaba de lançar regras mais rígidas para estrangeiros

2020: Suíça acaba de lançar regras mais rígidas para estrangeiros

7 de Janeiro de 2020

Não falar um destes três idiomas nacionais da Suíça, poderá ser motivo para perder o direito de permanecer no país. Estas novas regras podem ser lançadas a partir deste mês de janeiro.

Um conjunto de novas leis e regulamentos entrou em vigor na Suíça em 2020, entre os quais, um pode ter impacto direto na vida de muitos estrangeiros que vivem no país. Um exemplo é a capacidade de dominar um dos três idiomas nacionais, indispensáveis para uma integração total.

Desde 2019, o domínio nos idiomas alemão, francês ou italiano é exigido para que certas autorizações de trabalho e residência sejam concedidas ou renovadas.

Porém, a partir de 1 de janeiro de 2020, os residentes titulares de licenças B e C são obrigados a obter certificados de idiomas certificados de uma instituição credenciada pelo governo, de forma a atestar que possuem habilidades linguísticas suficientes para se comunicar com facilidade em pelo menos um dos idiomas nacionais da Suíça.

Ao longo de 2019, os candidatos conseguiram produzir certificados de escolas de idiomas não credenciadas, mas desde o início do Ano Novo, o regulamento foi mais rígido.

O novo requisito para o certificado de idioma certificado faz parte da Lei Federal da Suíça revisada sobre estrangeiros e integração, que foi promulgada em 1 de janeiro de 2019.

Esta norma traz a obrigatoriedade para aqueles que solicitam a permissão B (que são normalmente concedidas a longo prazo para estadias superiores a 24 meses) ou uma permissão C (residência permanente) tenham que provar que dominam a língua. Os membros da família de titulares de licenças também estão sujeitos aos novos requisitos de idioma.

Estas novas regras visam tornar homogéneos os requisitos  em termos de idioma para residência na Suíça, sendo que no passado as normas eram diferentes em cada cantão.

 

  • Artigos Relacionados