Google+ */?>
  • Empreendedorismo
  • Notícias
EDP: Prémio Novos Artistas dá 20 mil euros ao vencedor

EDP: Prémio Novos Artistas dá 20 mil euros ao vencedor

26 de Janeiro de 2015

Está de volta mais uma edição do Prémio Novos Artistas Fundação EDP. As candidaturas a este programa que apoia os novos artistas na área das artes plásticas e visuais decorrem entre 26 de janeiro e 23 de fevereiro. O vencedor receberá um prémio de 20 mil euros.

A iniciativa da Fundação EDP tem como principal objetivo “apoiar a nova criação e os valores emergentes da arte contemporânea”. Tendo isso como base, ao prémio “podem candidatar-se artistas portugueses, residentes ou não em território nacional, e artistas estrangeiros que residam em Portugal”.

Os interessados podem apresentar projetos na área da artes plásticas e visuais como, por exemplo, propostas no âmbito do desenho, vídeo, performance, pintura, escultura, fotografia, instalação, arte multimédia e arte postal.

Como se pode ler no site do prémio, os candidatos serão selecionados por “um Comissariado constituído por Filipa Oliveira e Sérgio Mah, comissários independentes, e por João Pinharanda, programador cultural da Fundação EDP”. Os finalistas serão, depois convidados a produzir obras para integrar uma exposição coletiva a realizar no Museu da Eletricidade, com inauguração marcada para o próximo mês de junho.

Cada artista finalista recebe 3500 euros para a produção do trabalho a apresentar na exposição. Quem viva a 100 quilómetros do Museu da Eletricidade terão ainda direito a um subsídio de 50 euros por dia. Posteriormente, já durante a exposição, “um júri internacional escolherá, entre os finalistas, o artista vencedor, a quem a Fundação EDP atribuirá um prémio no valor de 20 mil euros”.

Os interess

Na edição de 2015, o processo de candidatura terá de ser feito através do preenchimento de uma ficha de Candidatura que estará disponível a partir do dia 26 janeiro no site da Fundação EDP.

Em 10 edições, o Prémio Novos Artistas Fundação EDP já distinguiu Joana Vasconcelos, Leonor Antunes, Vasco Araújo, Carlos Bunga, João Maria Gusmão e Pedro Paiva, João Leonardo, André Romão, Gabriel Abrantes, Priscila Fernandes e Ana Santos. Esta distinção tem-se revelado fundamental para o início ou o reforço das suas carreiras nacionais e internacionais.

  • Artigos Relacionados