Google+ */?>
  • Artigos
  • Liderança
7 Coisas Que as Pessoas Verdadeiramente Respeitáveis Fazem

7 Coisas Que as Pessoas Verdadeiramente Respeitáveis Fazem

24 de Setembro de 2013

  • O respeito não é uma coisa que se obtém através de conjunturas ou tentativas forçadas, independentemente se canta a sua melhor performance de Aretha Franklin. O respeito ganha-se! Na maioria das vezes as pessoas que são mais respeitadas nem sequer o tentam ser. Simplesmente agem de uma forma que faz com que os outros sintam admiração.

    Sem respeito é difícil gerir uma empresa, uma equipa ou atingir objetivos. Ganhe e cultive o respeito daqueles que o rodeiam e num curto espaço de tempo terá todas as pessoas necessárias para apoiá-lo e ajudá-lo a alcançar qualquer coisa. Aqui estão sete ações que as pessoas verdadeiramente respeitáveis tomam. Com um pouco de foco, você pode adicionar estes hábitos ao seu dia-a-dia e evitar o dilema de Rodney Dangerfield.

    1. Prometem pouco e fazem muito.

    Pense um pouco sobre o que o faz perder o respeito por alguém. Geralmente, isso acontece quando as pessoas representam algo para si que acaba por não ser verdade. Não importa o quão grande ou pequeno é o ato. Essas pessoas simplesmente não correspondem às suas expetativas. A primeira vez que isso acontece, até pode perdoar, mas a segunda vez já levanta preocupações relativas à credibilidade. Pela terceira vez, é provável que nunca mais confie nessa pessoa. Por outro lado, o respeito segue aquelas pessoas que religiosamente fazem o que dizem. Com a confiança vem o respeito e vice-versa, é um ciclo. As pessoas respeitadas nunca o deixam pendurado.

    2. Estão confortáveis na pele que vestem.

    É quase impossível respeitar alguém que não se respeita a si mesmo. Essas pessoas não têm que ser imunes à falha, mas também não podem viver focadas em não falhar. Um pouco de auto-depreciação é admirável, mas apenas o é se for acompanhada com alguma auto-confiança. Ninguém quer seguir aqueles líderes inseguros e que se queixam constantemente das suas insuficiências. A maioria das pessoas respeitáveis assumem o controlo das suas vidas e resolvem o aceitam as suas próprias falhas com um sorriso tranquilo. As pessoas respeitadas entendem que ninguém é perfeito.

    3.  Encontram uma maneira de se incluírem.

    Quem desempenha tarefas individualistas pode chegar a impressionar não quando começam a desconsiderar os outros. Na verdade, quanto mais sozinho abrir o caminho, mas ressentimento irá criar. Para líderes a caminhada o caminho certo a seguir é proporcionar aos outros uma oportunidade de envolvimento no processo. Há pouca glória ou diversão alcançar o topo da montanha e ficar à espera que os outros lá cheguem. As pessoas ganham respeito quando se fazem acompanhar de todos os outros que estão motivados e capazes de partilhar a experiência, o risco e a recompensa. As pessoas respeitadas não deixam nenhuma pessoa disposta e capaz para trás.

    4. Focam-se nas soluções, não nas culpas.

    Grande parte do tempo da vida é desperdiçado no jogo da culpa. Não consigo encontrar nenhum benefício nessa prática. Aqueles que insistem em encontrar bodes expiatórios para obter ganhos acabam por parecer estúpidos. Na maioria dos casos, ou a verdade vem ao de cima ou o ambiente de trabalho torna-se tão tóxico que a produtividade baixa e ninguém sai ileso. Analisar um problema e identificar a sua raíz é valioso, mas uma vez que o problema é identificado, o foco deve incidir na resolução. As pessoas que ignoram a política e a culpa como solução para o bem comum ganham admiração e lealdade de quase todos. As pessoas respeitadas resolvem problemas sem criarem um novo.

    5. Procuram intensamente e partilham conhecimento.

    Existe um enorme valor em ser ativo e um estudante para sempre, mas manter tudo o que aprende para si é uma desgraça. É ótimo quando você está a tornar-se mais inteligente mas porque não partilhar esse conhecimento para o benefício de todos? Muitos líderes esforçam-se para aprender… mas na altura de abrir a boca para ajudar a equipa, ficam reticentes se ficam a perder porque deixam de ser só eles a saber sobre a questão. Claro que é preciso trabalho muito para criar um processo eficaz de ensino, mas é por isso que os excelentes professores ganham um respeito inestimável e ficam para sempre na memória dos alunos. Mesmo dos desinteressados. As pessoas respeitadas sabem o valor da aprendizagem comum.

    6. Elogiam o trabalho dos outros.

    Toda a gente aprecia o reconhecimento. Um trabalho bem feito merece reconhecimento, enquanto a falsa modéstia é deteriorante. Mas as pessoas que ignoram aqueles que realizam de forma eficaz são vistos como egoístas e ingratos. Há pouca coisa que você consegue obter apenas por si. Uma demonstração de gratidão e reconhecimento referenciá-lo-á perante os outros. Melhor ainda, partilhe a glória e eleve a estima de todos os envolvidos. As pessoas respeitadas têm orgulho em contribuir para o sucesso dos outros.

    7. Encontram alegria em tudo.

    É difícil acreditar que alguém pode, realmente, descobrir a felicidade no trauma e tragédia; surpreendentemente, é isso que acontece. Os seres humanos estão constantemente à procura de alegria, ainda assim evitam eventos diários que lhes permitiria sorrir. Mas depois há aqueles que levam a vida um pouco menos a sério e procuram sempre aquele momento que pode quebrar a tensão. Estas são as pessoas que demonstram o melhor da humanidade e tornam a mais difícil das jornadas de trabalho num dia que vale a pena. As pessoas respeitadas amam a vida mesmo com todas as voltas e reviravoltas.

    Por Hugo Sousa
    www.mexxer.pt

    O WallStreet Institute está a oferecer 15 dias de aulas de inglês grátis. Clica e pede Info gratuitamente

  • Artigos Relacionados